Mercado Imobiliário

Giro de Notícias do Mercado Imobiliário #37

Crescimento de lançamentos de luxo, projetos sustentáveis em alta, e aumento das linhas de crédito imobiliário. Confira essas e outras notícias relevantes do Mercado Imobiliário desta semana.

Compartilhe este artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Sumário

Os investimentos represados estão entre as apostas do mercado imobiliário para se manter em alta no próximo ano, já que durante a pandemia muitas pessoas preferiram não contrair grandes financiamentos. Esta foi uma das notícias do mercado esta semana, que mostrou também o crescimento de lançamentos de luxo, muitos com foco em projetos sustentáveis, e o aumento nas linhas de crédito imobiliário de startups em função da Selic em alta. Pesquisa da Vox Populi mostra ainda que o sonho da casa própria é um desejo da maioria dos brasileiros. Confira as principais notícias do setor desta semana!

.

Mercado Imobiliário

.

Estadão

Construtoras investem em imóveis de alto padrão com responsabilidade socioambiental

Lançamentos de luxo estão buscando não apenas a redução dos impactos, mas a harmonia com a natureza; contribuições para melhorar a qualidade de vida das comunidades locais também ganham vez.  Já faz tempo que o mercado de luxo em geral passou a sofrer forte pressão da sociedade pela adoção de práticas socioambientais mais responsáveis. No setor imobiliário a história não é diferente. Cada vez mais, as construtoras e incorporadoras são cobradas para diminuir o impacto negativo de seus empreendimentos na natureza e na vida das pessoas. Na faixa dos imóveis de alto padrão algumas empresas estão indo além e passaram a investir em práticas que não só reduzem o impacto da chegada dos empreendimentos, como melhoram a qualidade de vida da região. Leia mais

.


.

Correio do Povo

Sem crédito bancário, mais pessoas estão pagando imóveis à vista no Brasil

O ano de 2021 trouxe uma mudança nas negociações do setor imobiliário. De acordo com uma pesquisa do CreciSP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo), em São Paulo, maior mercado do país, aumentou o percentual de pagamentos feitos à vista, sem o financiamento de instituições bancárias.  O levantamento, feito com 900 imobiliárias de 37 cidades do estado, mostrou que 49,39% das vendas em outubro foram quitadas à vista, 48% com financiamento bancário, 2,27% com parcelamento e 0,35% com carta de crédito de consórcios. Leia mais

.


.

Uol

Mercado imobiliário de luxo está aquecido. É hora de comprar?

O mercado imobiliário de alto padrão vai terminar 2021 com saldo positivo. Os brasileiros de alta renda, compradores desses imóveis, foram os que menos sofreram durante a crise causada pela pandemia de covid-19. Além disso, passaram a buscar mais conforto e qualidade de vida durante o isolamento social. Em São Paulo, um dos principais eixos do segmento de luxo, foram comercializados 1.999 imóveis residenciais acima de R$ 1,5 milhão entre janeiro e agosto deste ano, 15% a mais do que o mesmo período de 2020, segundo o Secovi-SP. Os lançamentos também não ficaram para trás. No segundo trimestre de 2021, a oferta de imóveis novos de luxo aumentou 978,5% em relação a 2020. Em alguns bairros, como Itaim Bibi e Vila Nova Conceição, há imóveis sendo vendidos a R$ 50 mil/m². Leia mais

.


.

G1   

O que esperar do setor de construção civil em 2022?

Mesmo durante os momentos mais críticos da pandemia de Covid-19, o setor da construção civil se manteve forte no Brasil. De acordo com os resultados do Produto Interno Bruto (PIB) divulgados em setembro, o setor cresceu 2,7% no segundo trimestre de 2021, mesmo com a economia nacional se mantendo em relativa estabilidade. Para o próximo ano, a expectativa é que o segmento se mantenha em alta, apesar da chance de recessão econômica. Leia Mais

.


.

Folha Vitória

Linhas de crédito imobiliário de startups crescem com Selic em alta

Proptech Minha Casa Financiada viabilizou em menos de três meses mais de R$ 42 milhões em crédito privado no mercado imobiliário e já tem quatro linhas próprias; Entre os atrativos estão a flexibilidade na comprovação de renda, a carência de um ano para início das quitações de parcelas e a possibilidade de garantia de terreno. Leia mais

.


.

Terra

Segundo estudo, casa própria é maior desejo do brasileiro

Realizar o sonho da casa própria ainda é um desejo da maioria dos brasileiros. É o que aponta estudo realizado pelo Instituto Vox Populi, divulgado em junho deste ano. O levantamento, realizado em oito capitais metropolitanas, ouviu 3.200 pessoas e revelou que as três maiores prioridades dos brasileiros são, respectivamente: adquirir um imóvel, investir em educação e contar com um plano de saúde. Leia mais

.


.

Para mais conteúdos e dicas para transformar o m² dos seus sonhos em realiade, acesse:

.

conteúdo sobre decoraçãoconteúdo sobre construçãoconteúdo sobre finanças
conteúdo sobre loteamentoconteúdo sobre o mercado imobiliárioconteúdo com dicas

.

Receba nossos conteúdos no seu e-mail. Fique por dentro das novidades da 1M2