Mercado Imobiliário

Giro de Notícias do Mercado Imobiliário #35

O bom desempenho nas vendas de terrenos e imóveis destinados ao segmento de luxo é um dos destaques no Mercado Imobiliário desta semana. Confira essa e outras notícias no post de hoje!

Compartilhe este artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Sumário

A manutenção de alta em 2021 para o mercado imobiliário e a construção civil, mesmo com a pandemia, foi destaque esta semana no noticiário.  Para os próximos anos, no entanto,  especialistas acreditam que o mercado não continuará nesse processo de crescimento em função da escassez de crédito atrativo. Foi notícia também o bom desempenho nas vendas de terrenos e imóveis destinados ao segmento de luxo, assim como o crescimento do uso da tecnologia pelas empresas e clientes.  Confira as principais notícias do setor desta semana!

.

Mercado Imobiliário

.

Terra

Venda de apartamentos de luxo em São Paulo bate recorde em 2021

Quem tem dinheiro para gastar pode se dar ao luxo da escolha: pelo menos 200 metros quadrados de área, pé direito alto, acabamento acústico, um banheiro em cada quarto e, no mínimo, quatro vagas de garagem. A lista de exigências, que é longa e não para por aí, reflete o perfil do segmento da construção civil que mais cresce em São Paulo: os edifícios residenciais para os (muito) endinheirados.”. Leia mais

.


.

Terra

Ferramentas digitais facilitam o financiamento imobiliário

As pessoas estão saindo do aluguel para morar em um lugar próprio com a ajuda de ferramentas digitais. A aquisição de um imóvel é considerada uma das mais importantes na vida de uma pessoa, por isso deve ser tratada como tal.  Mesmo diante a crise sanitária em decorrência da pandemia do Covid-19, o mercado imobiliário conseguiu se manter aquecido, a busca por um novo lar passou a ser quase que exclusivamente online e algumas ferramentas foram imprescindíveis para o volume histórico. Leia mais

.


.

Cegs

O cenário da Construção Civil para 2022

O mercado imobiliário e a construção civil são dois segmentos que conseguiram continuar em alta mesmo durante a pior fase da pandemia do Covid-19. Para se ter uma ideia, de acordo com a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em 2020 as vendas de unidades residenciais novas cresceram 9,8% no Brasil.

Para este ano, as previsões são de crescimento entre 5% e 10% diante de uma alta de 3% do PIB. Entretanto, alguns especialistas também acreditam que, nos próximos dois anos, o mercado não continuará nesse processo de crescimento. Leia mais

.


.

Imobi Report   

Creditú chega ao Brasil com foco em inovação para democratizar o acesso ao crédito imobiliário

A Creditú, fintech especializada em oferecer crédito imobiliário com operações no Chile, Peru e México, anuncia sua chegada ao Brasil após o investimento de R$100 milhões recebido pelo Grupo AVLA. A operação é a maior expansão internacional da companhia. Criada em 2017, a Creditú já emitiu R$1.5 bilhão nos primeiros 3 anos de operação em financiamentos imobiliários para 3.000 residências familiares, tendo alcançado 1% do mercado chileno com crescimento mensal de 20%. Leia Mais

.


.

Valor

Novo presidente do Secovi-SP vê 2022 desafiador

Rodrigo Luna tomará posse em 1º de fevereiro e diz que momento não é de otimismo.  O setor imobiliário viverá um ano desafiador em 2022, diante de condições macroeconômicas menos favoráveis do que as que impulsionaram o mercado no biênio 2020-2021. “Mas será mais um momento de superação, de colocar, no mercado, o que a população demanda: habitação de qualidade, cabendo no bolso do consumidor”, diz Rodrigo Luna, que tomará posse como presidente do Secovi-SP, em 1º de fevereiro de 2022, para um mandato de dois anos. “O consumidor busca o que cabe em seu orçamento e na capacidade de renda. Sempre há a tampa da panela”, acrescenta Luna. Leia mais

.


.

Valor

Direcional e XP fazem acordo de investimento na startup de crédito imobiliário Direto

Com a parceria, a intenção é que a Direto amplie a oferta de crédito aos clientes, interligando as partes envolvidas na compra do imóvel, venda e no financiamento A Direcional Engenharia e a XP Inc. fecharam acordo de investimento na startup de crédito imobiliário Direto. Pelo acordo, a XP adquire 49,9% da Direto, startup nascida na Direcional. O valor da operação não foi divulgado. A última elevação da taxa Selic pelo Banco Central, a 7,75% ao ano, colocou o país na liderança do ranking de juros pelo mundo. Em uma lista com 40 países, o Brasil tem a maior taxa de juros real – ou seja, a taxa com desconto da inflação. Leia mais

.


.

Para mais conteúdos e dicas para transformar o m² dos seus sonhos em realiade, acesse:

.

conteúdo sobre decoraçãoconteúdo sobre construçãoconteúdo sobre finanças
conteúdo sobre loteamentoconteúdo sobre o mercado imobiliárioconteúdo com dicas

.

Receba nossos conteúdos no seu e-mail. Fique por dentro das novidades da 1M2