Feng Shui

Feng Shui: como usar a técnica para harmonizar a casa

O Feng Shui ajuda a criar ambientes agradáveis, deixando as energias positivas reinar. Conheça mais sobre essa técnica milenar e como aplicar na sua casa.

Compartilhe este artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Sumário

Técnica chinesa milenar aplicada para aprimorar segmentos da vida como família, saúde e relacionamento, o Feng Shui pode ser aplicado também para a harmonização dos espaços das residências. O objetivo é melhorar a energia vital dos cômodos. A casa fica cheia de influências positivas enquanto as vibrações negativas são afastadas, proporcionando assim uma melhor interação entre indivíduos e o ambiente.

.

Feng Shui
Feng Shui: a técnica milenar tem como objetivo melhorar a energia vital dos ambientes da casa

.

A boa notícia é que tudo depende apenas da organização dos moradores, não necessitando de grandes investimentos. O Feng Shui é baseado na forma como a energia se move pelos espaços da residência. Conhecida como “chi”, essa energia é influenciada pelos objetos colocados na casa. Sendo assim, a disposição deles irá fazer toda a diferença para se alcançar o objetivo.

.

Como aplicar na prática

Para aplicar a técnica na prática é preciso desenvolver ações diferentes para cada espaço. É recomendado manter, em cada cômodo, objetos que representem o ar, a água, a madeira, a terra e o metal. Antes de iniciar o trabalho, no entanto, deve-se estar em estado de relaxamento, com a mente tranquila.

.

Conhecendo o Baguá

O primeiro passo para incorporar o Feng Shui ao imóvel é conhecer o baguá, um mapa dos centros de energia e harmonização dos ambientes. É importante estudar para aprender como aplicar o baguá a fim de equilibrar os campos de energia da casa. O gráfico tem oito partes relacionadas às áreas da vida como espiritualidade, família e saúde. No caso de móveis como camas, sofás e mesas de escritório, por exemplo, a orientação é que sejam posicionados de frente para a porta principal e  encostados em paredes sem janelas.

.

Feng Shui
Feng Shui: quando bem aplicado, o cômodos da casa promovem harmonia na casa

.

Feng Shui no hall de entrada

Um dos pontos mais importantes da técnica é o fluxo de energia da rua para dentro de casa. Por isso, o hall de entrada é o primeiro local onde a técnica deve ser empregada. O objetivo dessa área é proteger a casa da energia agitada de fora, ao mesmo tempo em que dá boas-vindas aos visitantes. Por isso, a iluminação merece uma atenção especial nesse espaço, que deve estar sempre limpo. As plantas compõem a decoração e espelhos convidam a boa energia a entrar no lar.

.

Evite colocar objetos logo na entrada de sua casa. Para o Feng Shui, o fluxo de energia da rua para dentro do nosso lar é muito importante. A entrada é vista como uma espécie de amuleto protetor de energias externas que podem invadir o ambiente. Logo, precisa de espaço para a força do chi movimentar-se com fluidez. Caso a entrada da casa seja através de um corredor, use fotos e quadros na parede, tapetes e cores claras, fazendo com que a energia circule pela casa inteira.

.

Feng Shui
Feng Shui: por conta do Covid-19, deixar os sapatos na entrada da casa se tornou um hábito em todas as casas

.

Feng Shui no quarto e banheiro

Esse é um dos ambientes que merecem  atenção, uma vez que é tanto o local de descanso como de grande circulação. Por isso, o recomendado é que seja decorado com almofadas, quadros e cortinas. Outra dica é evitar aparelhos eletrônicos, pois podem causar ansiedade e insônia. Se for inevitável, como no caso das TVs, o ideal é manter uma distância adequada da cama. Outro ponto fundamental é não levar material de trabalho ou estudo para este espaço da casa. Ainda no quarto, o ideal é que a cabeceira da cama seja encostada na parede. Mas, não deve ficar próximo de banheiro e janelas.

.

Já o banheiro é considerado o cômodo com mais energia da casa, por isso merece atenção especial. A tampa do vaso sanitário deve estar sempre abaixada. A porta precisa também deve permanecer fechada. Mantenha a porta do banheiro sempre fechada, assim como o vaso sanitário. O banheiro é um reduto de energias que não nos servem mais, então mantê-las no devido lugar é uma regrinha básica para não contaminar os outros ambientes do lar ou do escritório.

.

Feng Shui na cozinha

De acordo com os princípios do Feng Shui, o fogão presenta prosperidade e, por isso, deve estar sempre conservado. O objetivo é limpar tudo que não seja essencial nos balcões – que é um espaço importante em uma cozinha. Comece retirando tudo e lavando. Quando estiver tudo limpo e seco, coloque apenas o essencial à vista e deixe o resto guardado.

.

Feng Shui
Feng Shui: além de higiênico, uma cozinha bem limpa e organizada traz mais satisfação na hora de cozinha

.

Feng Shui no home office

Com o aumento do trabalho de home office por conta da pandemia, o local de trabalho em casa nunca teve tanta importância. Há uma grande relação entre Feng Shui e produtividade. Os especialistas são unânimes em afirmar que o correto é não sentar de frente para a parede, pois reduz o foco. A mesa do trabalho deve ser arrumada, sem bagunças. Um vaso de planta no ambiente pode ajudar na criatividade.

.

Feng Shui
Feng Shui: quanto melhor a anergiar fluir, melhor será a produtividade do trabaho

.

Mais dicas

As plantas são de grande importância no Feng Shui, pois purificam o ar e renovam as energias. Já os itens quebrados, procure sempre arrumar esses itens ou descartá-los, mas não deixe eles sem utilidade na sua casa. Isso pode dizer que algo está prestes a ser quebrado, trazendo a energia de sofrimento. Para as paredes precisam estar sempre bem pintadas e em bom estados, caso contrário podem gerar energias negativas

.

Resumindo como usar a técnica do Feng Shui

  • Objetivo: O foco é melhorar a energia vital dos cômodos com influências positivas, afastando as negativas, proporcionando uma melhor interação entre indivíduos e o ambiente.
  • O que fazer:  manter em cada cômodo objetos que representem o ar, a água, a madeira, a terra e o metal.
  • Baguá: O primeiro passo para incorporar o Feng Shui ao imóvel é conhecer o baguá, um mapa dos centros de energia e harmonização dos ambientes.
  • Entrada: uma iluminação especial e limpeza protegem a casa da energia agitada de fora, ao mesmo tempo em que dá boas-vindas aos visitantes.
  • Corredor: instalação de fotos e quadros nas paredes, além de cores claras e tapetes
  • Quarto: decoração com almofadas, quadros e cortinas, evitando aparelhos eletrônicos, pois podem causar ansiedade e insônia.
  • Cama: a cabeceira da cama deve ser encostada na parede e não deve ficar próximo de banheiro e janelas.
  • Cozinha: o fogão presenta prosperidade e, por isso, deve estar sempre conservado.
  • Banheiro: a tampa do vaso sanitário deve estar sempre abaixada e a porta  fechada.
  • Plantas: purificam o ar e renovam as energias.
  • Itens quebrados: não devem permanecer na casa, já que podem gerar energia negativa.
  • Paredes: Paredes mal pintadas, com rachaduras e mofadas podem gerar energias negativas
  • Home office: não sentar de frente para a parede, pois reduz o foco no trabalho. A mesa do trabalho deve ser arrumada, sem bagunças. Um vaso de planta no ambiente pode ajudar na criatividade.

.


.

Para mais conteúdos e dicas para transformar o m² dos seus sonhos em realiade, acesse:

.

conteúdo sobre decoraçãoconteúdo sobre construçãoconteúdo sobre finanças
conteúdo sobre loteamentoconteúdo sobre o mercado imobiliárioconteúdo com dicas

.

Receba nossos conteúdos no seu e-mail. Fique por dentro das novidades da 1M2